quarta-feira, agosto 29, 2012

Desassociados


Palavra contorna palavra,
desabafa os dedos teclados,
clicados ratos das aberturas virtuais escravas

vícios do fogo sem palha
da forma vazia sem toque
do TOC internado sem choque

com voz distorcida dos retoques
do curtir e compartilhar competitivo
do seguir o autismo escolhido
pelo caminho do conformismo editado

nas nossas ausências realizadas
postadas... Pelo ditado social.

(Às 21h20, Rafael Belo, terça-feira, 28 de agosto)

2 comentários:

La Sorcière disse...

Vc é mestre em brincar com as palavras e tem poesias perfeitas =)

Rafael Belo disse...

Tão bom ouvir tais palavras de ti. Muito obrigado Lele. Bj