sexta-feira, outubro 12, 2012

In completude


foto original sem modificações
In completude

Despedaçados pedaços rachados na estatela do chão
na emoção esvaziada de presença ainda em queda
ausência morosa na cela sem dolo, mas dolorosa de antemão

não no corpo ainda anestesiado de solidão... de uma era

sim de pedaços partidos da entrega a qualquer situação
direto ao coração guardado no fundo da alma, velada a vela

da incompletude dos degraus em toda ação esquartejada
pelos invisíveis olhos, invisível olhar

ninguém estava lá, nem você em grau projetada
não se entregou a nada, nem a si  nem ao estar.

(Às 15h24, 10 de outubro de 2012, quarta-feira, Rafael Belo)

2 comentários:

La Sorcière disse...

"no corpo ainda anestesiado de solidão... de uma era"
É muito lindo!!

Rafael Belo disse...

oo Lele obrigado. "tocar as palavras com pessoas rs"